segunda-feira, 26 de abril de 2010

Desabafo

Sabe uma coisa que me choca? As pessoas não conseguem mais ficar quietas nem um minuto. Estão sempre achando que o mundo roda em torno dos seus umbigos. Estava assistindo Alice no País das Maravilhas no Pier21 (já havia prometido nunca mais lá voltar) e no meio do filme me dei conta de que além de dublado ele era narrado. Por que as pessoas precisam intervir, comentar, cochichar o tempo todo, hein? Por que não conseguem apenas se entregar ao deleite, à apreciação de uma obra feita por outrem?

5 comentários:

Rafael disse...

Indeed! Essa é a era do "eu acho que..." fatorial. Existem mil cursinhos de como falar em público, como discursar, aprender a arte da retórica...ninguém ensina a calar a boca e a escutar, coño!!!

Rafael disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Gregolin disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Diogo Raeder disse...

Quando eu fui ver Avatar, eu pude dormir tranquilamente e só me dar ao trabalho de acordar a cada 15 minutos para ouvir o garotinho insuportável sentado atrás de mim contar tudo o que ia acontecer nas próximas cenas para seus queridos amiguinhos... Mostrar que sabe alguma coisa, ou que tem uma opinião, às vezes parece ser importante demais para as pessoas, quando era melhor que não soubesse ou opinassem.

Paulo Victor disse...

no cinemark do taguatinga shopping, lisbela, o prisioneiro e o diálogo, nas poltronas de trás:

na tela: algum trecho com a palavra "despida".
poltrona a: "o que é despida?"
poltrona b: "ele falou descida"
poltrona a: "não. eu ouvi despida"
potrona b, a, b, a, b de novo...

perdi a cena.